Ceará registra o menor índice de homicídios em 10 anos

8 de junho de 2019 às 09:49

De janeiro a maio de 2019, o Ceará já reduziu, em 53,2%, os números de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs) em todo o seu território, passando de 1.996 em 2018, para 935 neste ano.  Conforme a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o resultado é o melhor desde 2009, quando foram registrados 911 casos no período.

Com o resultado, o Ceará chega a seu 14º mês de queda, e Fortaleza ao seu 15º. Os dados são da Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública do Estado do Ceará (Supesp), órgão vinculado à SSPDS.

De acordo com o levantamento, Fortaleza registrou o menor índice criminal acumulados dos primeiros cinco meses do ano, na série história, desde 2009, quando foram registrados 378 crimes. A redução do ano passado em relação a 2019 foi de 58%, sendo 659 em 2018 e 277 neste ano.

O Interior Norte aparece logo em seguida, com uma redução de 54,6%, passando de 383 para 174. Já a Região Metropolitana, foi de 604 crimes de morte, em 2018, para 295 neste ano. Com esses números, o território registra uma queda de 51,2%. E por fim, o Interior Sul, que reduziu 46% os CVLIs, caindo de 350 para 189.

O balanço positivo de 2019 se deve principalmente às ações estratégicas da pasta nos territórios que mais concentravam esse tipo de crime, à integração entre instituições, e à inserção de pesquisadores de universidades na construção de novas ferramentas tecnológicas.

O secretário da SSPDS, André Costa, destacou o envolvimento de outras instituições nas estratégias que resultaram na melhoria dos índices: “É um resultado que mostra um progresso no trabalho da segurança, sempre apoiado pelas diversas outras instituições, como é o caso da Prefeitura de Fortaleza. Destacando também, que além do trabalho da Polícia, há ainda a atuação do Sistema Penitenciário nessa redução. E continuaremos assim, levando o nosso trabalho com seriedade e muito empenho para darmos sustentabilidade a esses dados”, disse.

Repórter Ceará

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Os comentários estão fechados
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Anúncio
Entendendo A Notícia
Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo