Baratas estão se transformando em super-inseto impossível de matar

3 de julho de 2019 às 15:09
0

As baratas são insetos urbanos muito presente na vida das pessoas. Uma das maneiras mais comuns de controlar uma infestação é o uso de inseticidas. Os venenos podem ajudar a diminuir ou até exterminar a praga, mas essa eficácia está diminuindo.

Segundo um estudo publicado por pesquisadores da Universidade de Purdue, nos EUA, as baratas estão desenvolvendo resistência aos produtos químicos. Além disso, essa característica está sendo passada de geração em geração.

Em testes realizados com espécies de baratas encontradas na Alemanha, os filhotes nasceram sem sentirem os efeitos do veneno, mesmo sem nunca terem tido contato com as substâncias.

“Baratas que desenvolvem resistência a múltiplas classes de inseticidas de uma só vez tornarão o controle dessas pragas quase impossível apenas com produtos químicos”, afirma Michael Scharf, coautor do estudo, à revista Scientific Reports.

Os pesquisadores aplicaram três tipos de inseticidas e conseguiram manter as populações de baratas por um período de seis meses, mas não foi possível reduzi-las.

Em geral, as empresas de dedetização utilizam uma mistura de substância para conseguir afetar o maior número possível de baratas. Em outra fase do estudo, os venenos foram misturados para testar a eficiência. Dessa vez a populações de insetos no local aumentou.

“Nós vimos a resistência aumentar quatro ou seis vezes em apenas uma geração”, disse Scharf. “Não tínhamos a menor ideia de que algo assim poderia acontecer tão rápido”.

Repórter Ceará com R7

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Deixe uma Resposta

Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Anúncio
Entendendo A Notícia
Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo