“O Governo vai acolher a população de rua”, informa Damares

7 de maio de 2020 às 19:01

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou hoje, 07, em coletiva de imprensa, que poucos moradores de rua foram contaminados pelo coronavírus no Brasil, porque “ninguém pega na mão deles”. A informação foi divulgada pelo UOL.

“Não são muitos [que têm a doença]. E por que não são muitos ainda? Ninguém pega na mão deles, ninguém abraça morador de rua. Infelizmente”, disse a ministra. O governo federal ainda não tem dados concretos de quantos moradores de rua já foram diagnosticados com a doença.

“No governo Bolsonaro a gente tem dito que ninguém vai ficar para trás. A população de rua é prioridade para o governo, agora vamos acolher, em momento de emergência, mas paralelamente apresentaremos a política pública para a população de rua”, prometeu Damares.

Segundo a ministra, o programa Brasil Acolhedor será uma mobilização nacional para acolher as pessoas em situação de rua.

Sérgio Augusto de Queiroz, secretário especial do Desenvolvimento Social (subordinada ao Ministério da Cidadania), afirmou que há 78.195 pessoas em situação de rua na mira da pasta para receber auxílio e que o governo deve liberar um crédito extraordinário de R$ 2,55 bilhões para ajudá-las.

Locais de acolhimento que desejam receber parte do auxílio devem comprovar seu funcionamento regular e reforças medidas de higiene, priorizando acomodações individuais.

Repórter Ceará (Foto: Getty Images/AFP/F. Coffrini)

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Os comentários estão fechados
Enquete

Considerando o cenário de pandemia na sua cidade, você se sente seguro em sair para votar no dia 15 de novembro?

View Results

Loading ... Loading ...
Anúncio
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Entendendo A Notícia
Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo