Bolsonaro junta ministros em ato pró-governo na 63ª violação a isolamento social

17 de maio de 2020 às 14:38
0

Na 63ª violação ao isolamento social, o presidente Jair Bolsonaro participou neste domingo, 17, de nova manifestação em defesa de seu governo. Bolsonaro reiterou a ausência, no ato de hoje, de faixas em ataque aos outros dois Poderes, a exemplo do que ocorreu em outras manifestações, causando desconforto institucional. “É uma manifestação pura da democracia. Fico muito honrado com isso. Tenho certeza de que movimentos como esse fortalecem o nosso Brasil acima de tudo”, disse Bolsonaro em transmissão ao vivo.

Segundo levantamento do UOL, em dois meses – desde que as autoridades de saúde recomendaram que as pessoas evitassem aglomerações como medida para combater a covid-19 –, o presidente esteve em ao menos 62 encontros com aglomerações. Bolsonaro esteve, em média, em uma aglomeração por dia em sua rotina, em Brasília ou em passeios por outras cidades. A maior parte aconteceu no Palácio da Alvorada.

Neste domingo, apoiadores fizeram carreata e se reuniram na Praça dos Três Poderes, em Brasília, frente ao Palácio do Planalto. No último final de semana, as manifestações contaram com agressões físicas e verbais a repórteres e fotojornalistas.

Dias após a saída de Nelson Teich do Ministério da Saúde, o presidente apareceu na rampa do Palácio com os ministros da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, da Cidadania, Onyx Lorenzoni, da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, do Ministério da Justiça, André Mendonça, e da Agricultura, Tereza Cristina.

Em vídeo transmitido em seu Facebook, Bolsonaro disse que deve lealdade absoluta ao povo brasileiro, que quer “liberdades em todos os sentidos”. “O povo é realmente aquele que nos dará o norte”, disse.

“O governo federal tem dado todo o apoio para atender as pessoas que contraíram o vírus. Esperamos brevemente ficar livre dessa questão, para o bem de todos nós. O Brasil, tenho certeza, voltará mais forte de tudo isso. O que mais queremos é resgatar os valores que formam a nossa nacionalidade: respeitar a família, ter uma boa política externa…”, disse ele em vídeo divulgado em seu Facebook.

– Palácio do Planalto com o Povo e Ministros.

Publicado por Jair Messias Bolsonaro em Domingo, 17 de maio de 2020

Segundo os últimos dados do Ministério da Saúde, o Brasil passou da marca dos 15 mil óbitos por covid-19. Dados atualizados na noite de sábado, 16, indicavam 15.633 mortos pela doença e 233.142 casos confirmados.

Repórter Ceará – Congresso em Foco (Foto: Adriano Machado/Reuters)

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Deixe uma Resposta

Anúncio
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Entendendo A Notícia
Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo