1 Minuto com Sérgio Machado: PT e PDT devem escolher nome satisfatório para ambos os partidos visando Governo do Ceará em 2022

Sérgio Machado • Colunista do Repórter Ceará
1 de setembro de 2021 às 20:38

O Partido dos Trabalhadores e o Partido Democrático Trabalhista devem se entender para lançar um nome que seja satisfatório para ambas as siglas visando o Governo do Ceará em 2022. Nesse caso, o governador Camilo Santana, petista, deve se tornar o principal articulador dessa conversa, já que é aliado do grupo dos Ferreira Gomes.

Analisando os nomes no PDT, que não perderá a chance de disputar o Governo do Ceará como cabeça de chapa, temos quatro: o ex-prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio; a vice-governadora Izolda Cela; o atual secretário de Planejamento e Gestão do Ceará, Mauro Filho; e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Evandro Leitão.

Roberto Cláudio pode não ser uma escolha tão favorável. Ao passo que é conhecido em todo o Estado, pela visibilidade que Fortaleza proporciona, seu nome é bastante vinculado aos Ferreira Gomes e pouco ligado ao PT, assim, somente um dos lados da força estaria sendo beneficiado. Izolda, por sua vez, nas oportunidades em que teve de estar a frente de eventos e projetos do Governo, se mostrou altamente apta para ocupar o cargo e, sim, seria uma escolha válida para os dois partidos.

Mauro Filho e Evandro estão no mesmo patamar de Izolda, em relação a serem escolhas que satisfaçam tanto o PT como o PDT. O primeiro conta com o sucesso econômico do Ceará em gestão fiscal, fazendo com que o Estado ocupe a primeira posição no País neste quesito. Esse feito se deu durante sua estadia na Secretaria da Fazenda. Evandro é visto como uma figura de diálogo, já que ocupa a principal cadeira da ALCE e precisa conversar com todas siglas e manter um elo entre o Governo do Ceará e a Casa Legislativa, assim, fortalecendo seu nome.

Uma opção para as duas legendas seria deixar com que Izolda finalizasse seu mandato como governadora, até o final de 2022, após Camilo se desincompatibilizar para disputar o Senado. Depois disso, Mauro ou Evandro entrariam em cena para, um dos dois, disputar o Palácio da Abolição.

Obviamente, o diálogo não se concentra entre essas duas siglas, mas também com outras, como é o caso do PSD, partido com o segundo maior número de prefeituras do Ceará. Porém, levando em consideração a trajetória, a conversa principal deve ser nos bastidores de petistas e pedetistas, que, se querem continuar no Poder, devem resolver – e logo – qualquer divergência, já que a oposição tem se fortalecido ao longo dos anos, como mostrou a última eleição municipal de 2020.

Confira mais artigos na coluna de Sérgio Machado AQUI.

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Os comentários estão fechados
Enquete

Você é a favor da realização de festas de Réveillon e Carnaval no Ceará?

View Results

Loading ... Loading ...
Anúncio
Entendendo A Notícia
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo