Será que tem alguma coisa a se comemorar para os professores de Quixeramobim?

15 de outubro de 2021 às 09:51

O Repórter Ceará recebeu um texto de um docente da rede pública municipal de Quixeramobim, no Sertão Central, que preferiu não se identificar, sobre a situação dos professores na cidade. Confira o relato:

Feliz dia dos professores!

Será que tem alguma coisa a se comemorar para os professores de Quixeramobim, em especial, a Secretaria de Educação?

Uma das secretarias que mais está sofrendo em nosso município. Vários servidores desempregados (auxiliares de serviços, merendeiras, zeladores e outras funções) e sem contar aquele professor(a) de serviço prestado que está desempregado, ou o mesmo(a) já procurou outra serventia, pois seleção não existe. Conheço professores(as) que já estão trabalhando na fábrica de calçados (não estou dizendo que seja um serviço ruim, mas foi a opção que o mesmo(a) teve, pois tem uma família para sustentar, tem suas obrigações e contas a pagar).

Falando em seleção, pense num fazimento de pouco com a cara daqueles que sempre deram a vida pela sua função. Os nossos verdadeiros guerreiros, aqueles que sempre deram a vida pela educação, hoje estão desempregados e sem previsão nenhuma de voltar a trabalhar. Tem professor no município que está dando aula para 24 turmas, juntando várias, pois o ensino é remoto. Os professores que ainda não enlouqueceram, estão bem pertinho disso acontecer, sem contar a cobrança para obtenção de resultados para as avaliações externas que estão chegando.

Merenda escolar? Em Quixeramobim, houve duas doações de kits, enquanto municípios vizinhos já realizaram de quatro a cinco entregas.

Previsão de volta às aulas? Só Deus sabe, e pra ser direto, este ano não teremos aulas presenciais. Sabe por quê? Porque já estamos em 15 de outubro e, basicamente, mês de novembro ficam só os efetivos, como já estão, porque sempre em dezembro o serviço prestado é colocado para fora. Então, vocês acham que vão voltar as aulas presenciais?

Pagamento da 2º parcela do décimo [terceiro] hoje, alguém sabe dizer o porquê? O porquê é que não estão pagando ninguém de serviço prestado e todo mês há uma sobra que só os gestores maiores sabem o tamanho do bolo. Do jeito que está dá para pagar o 14º, 15º, 16º, 17º, 18º e até o 20° salário para os professores efetivos, pois só eles estão trabalhando.

A educação de Quixeramobim foi destaque a nível nacional e virou referência em educação para o Brasil. Das 100 melhores escolas do país, 13 são daqui. Professores que deram o sangue, perderam dias e noites se rebolando para dar o seu melhor, hoje estão desempregados, passando por necessidades, tendo que viver dias difíceis. Escolas que viraram referência para o Ceará e para o Brasil, gestores que hoje, além de serem gestores, estão em salas de aulas dando aula para várias turmas, pois o professor que era da turma não foi contratado. Sem contar que há professores que já passaram por várias turmas, começando o ano com um professor, depois de 1 mês, outro professor, depois outro, e por aí vai. Qual o aprendizado desse aluno? Infelizmente, ele não tem e está regredindo. Tem escola que está com apenas sete professores na sua grade, onde há um tempo eram 13, 14.

Então, eu pergunto a você: tem muito o que se comemorar para os professores de Quixeramobim?

Abraços,
Feliz dia dos professores.

Foto: Ascom

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Os comentários estão fechados
Enquete

Você é a favor da realização de festas de Réveillon e Carnaval no Ceará?

View Results

Loading ... Loading ...
Anúncio
Entendendo A Notícia
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Curta nossa página
Escute ao vivo
SerTão TV
Visite-nos
Tempo