Editorial: Ao eterno professor e mestre José Artur Costa, o nosso muito obrigado

25 de agosto de 2018 às 08:28

Músico, radialista, educador, gestor, escritor e desportista. Este é um pouco do perfil da grande pessoa que foi o quixeramobinense José Artur Costa que, ontem, 24 de agosto, completaria a marca de seus 78 anos. O Sistema Maior de Comunicação presta, neste sábado, singela homenagem a este profissional que contribuiu de forma imensurável para o desenvolvimento social de Quixeramobim e do Estado do Ceará.

Filho de José Nilo Costa e Heloisa Pereira Costa, Artur foi educador na Escola Assis Bezerra, no Ginásio Dom Quintino e no Colégio Estadual Dr. Andrade Furtado, além de ter integrado as equipes gestoras destas unidades, ocupando o cargo de vice-diretor. Professor José Artur foi, também, sem dúvida, um grande incentivador na instalação da Escola Agrícola Deputado Leorne Belém, sendo seu primeiro diretor.

Prova de seu perfil multifacetado, é que, nas instituições onde lecionou, ficava sempre responsável pela disciplina de Matemática, em paralelo à sua facilidade de comunicação, que o tornou narrador e comentarista esportivo nas rádios de Quixeramobim.

Além disso, foi na Rádio Campo Maior AM 840, que José Artur apresentou, durante 19 anos, o Programa Sempre Sucesso, nas manhãs de todos os sábados. Seu programa era deleite aos ouvidos de quem o escutava e a certeza de um começo de fim de semana leve e carregado de sentimentos bons.

José Artur era cativante. Sempre com um sorriso no rosto e um afago seguro dentro do abraço, trazia no peito a felicidade sincera e o cuidado, por isso, é considerado um pai para todos os que integram a família do Sistema Maior.

Porém, voltando ao seu histórico, você sabia que o seu Artur era integrante de um grupo musical? Dono de uma bela voz, resolveu, juntamente com alguns amigos, criar um grupo chamado Coroas da Saudade. Não era um projeto qualquer. Era uma arte tão prazerosa aos que participavam, que chegaram a gravar alguns Cd’s e a tocarem em festas de amigos.

Hoje, o avô do Tobias e da Lívia, o pai da Suzani e do Artur Eduardo, e o esposo da professora Jandira Saraiva Costa habita em nossos corações após nos deixar saudosos de seu carinho e de sua presença desde o dia 17 de junho deste ano.

Ao senhor, nosso eterno companheiro, o nosso muito obrigado por ter deixado, em cada um de nós, um pedacinho de você, através dos ensinamentos de um homem sábio, que viveu lutas diárias e se tornou uma das figuras mais emblemáticas da história do Ceará.

Editorial do Repórter Ceará

Compartilhar...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Google+
Google+
Os comentários estão fechados
Mídia Kit

Anuncie no Repórter Ceará

Baixe o Mídia Kit


Contato: jornalismo@sistemamaior.com.br

Anúncio
SerTão TV
Entendendo A Notícia
Curta nossa página
Escute ao vivo
Mais Lidas
Visite-nos
Tempo